Mãe de Sininho: ‘Estão usando minha filha como pivô para desmobilizar os movimentos sociais’

Durante a plenária do Comitê Popular contra o Estado de Exceção, realizada no dia 21 de junho de 2014, no auditório do Sindsprev/RJ, a psicóloga Rosoleta Moreira Pinto Stadtlander, mãe de Elisa Quadros, a Sininho, falou sobre a prisão da filha e denunciou a perseguição que a mídia corporativa está fazendo contra Elisa:

“Estão usando minha filha como pivô para desmobilizar os movimentos sociais”, disse Rosoleta.

Confira o depoimento na íntegra. Vídeo produzindo em uma parceria entre MIC (Mídia Independente Coletiva) e Coletivo Mariachi.