Sem medo

Visitando sites progressistas e democráticos 

Satura a profusão do nome maldito

A delinquência genocida

A mentira como política de estado

Os crimes cotidianos da quadrilha criminosa no poder

Devem ter razões para todas essas denúncias

Mas fica a sensação amarga de que apenas denunciar não têm sido capaz de nos municiar de ânimo para combater o crime organizado e institucionalizado

Temos que aprender a positivar a nossa agenda

O mundo da informação não pode estar tão longe assim

Da vida cotidiana

Temos que aprender a confiar mais na decência e na honestidade,

Na nossa própria capacidade

De combater o crime com atitudes concretas e seguras

Afinal enfrentar a possibilidade da morte

Não pode ser o que nos detenha

Uma vez que estamos morrendo a cada instante

A palavra deve ser capaz de voltar a ser a nosso favor

Devemos recuperar a palavra

O inimigo ganhou força por causa da nossa omissão,

Do nosso encolhimento cada vez que agrediu os nossos valores fundamentais

Devemos ser capazes de expulsar a escória que está nos destruindo como país e como povo.