O pior tipo de bandido do Rio de Janeiro

Novas informações da Secretaria de Segurança do Rio dão conta de que o ex-cabo foragido da Polícia Militar Carlos Ary Ribeiro, o Carlão, receberia R$ 400 mil para matar o parlamentar Marcelo Freixo. O ex-PM tem ligação com um grupo paramilitar da Zona Oeste do Rio de Janeiro. Eles conseguiram matar uma juíza que estava prendendo milicianos, mataram outras centenas de pessoas na surdina, mas não Freixo.

Mas não é disso que eu quero falar não – até porque de ameaça ao Marcelo tá cheio, desde que iniciou seu mandato. Eu gostaria só de lembrar a todos o que faz a estúpida da Cidinha Campos, que colocou a vida de Freixo em risco ao fazer demagogia, vejam no vídeo abaixo (se for retirado, procure por ‘Cidinha Freixo’).

Cidinha Campos não enfrente o crime e ainda ameaça a vida de quem o faz.

É urgente acabar com o pior tipo de criminalidade que existe no Rio de Janeiro: a criminalidade que foi eleita com o voto do crime organizado.

Só para lembrar, Dona Cidinha: