ÍNDIOS PATAXÓ HÃ HÃ HAE : REDE GLOBO DE TELEVISÃO, PENSO, LOGO DESISTO!

Na foto, Sede de uma fazenda em total abandono na região da Toca da Onça.

A rede Globo de televisão, mais uma vez chegou com sua “esquadra voante”, pousou em terra sagrada pertencente aos índios Pataxó Hã, Hã, Hãe, e mais uma vez, assim como fizera em outras terras sagradas para todos os indígenas, a exemplo das Aldeias Raposa Serra do Sol e Barra Velha, ardilosamente, erguera a “cruz de malta”, desembainhou suas espadas, apontou seus canhões e partiu em busca de suas “presas”.

Foi com matéria programada, montada e combinada, sobre a questão fundiária, que o repórter da famigerada rede globo de televisão, Jose Raimundo, percorrera a fazenda do invasor Armando Pinto, local próximo onde ocorrera o assassinato da dona de casa Ana Maria, no qual pistoleiros encapuzados, sabidamente a mando de pessoas miseráveis, com o intuito de incriminar os indígenas, executaram mais uma pessoa, nos limites próximos da pobre cidade de Itaju do Colônia, berço dos ancestrais indígenas que povoaram aquela região e dos seus atuais descendentes, que ainda lutam para retomar as áreas que foram invadidas por fazendeiros inescrupulosos.

Assim como fez na aldeia indígena Raposa Serra do Sol, em dias de julgamentos, não fora diferente na Aldeia Indígena Caramuru Catarina Paraguaçu, área legalmente demarcada pelo Governo Federal, a podre rede globo de televisão, por intermédio do seu repórter, citou, de maneira tendenciosa, a morte da dona de casa, passando para o público que foram os indígenas os autores do crime, deslocou-se até a fazenda, local próximo ao crime, sem ter ido ao local exato onde ocorrera o assassinato, entrevistou um policial militar e nenhum agente da Policia Federal, e, por incrível que pareça, o comando militar da Bahia disse que tem medo do que esta acontecendo na região de Itaju do Colônia. Ora, se eles, que tem a força militar, estão com medo, o que dizer dos cidadãos moradores da cidade de Itaju do Colônia e região próxima, que pagam seus impostos, para que o Estado lhes proporcionem segurança, e estes afirmar que estão com “medo”? E, algo também absurdo, fora o que o Delegado da Polícia Civil, de Itaju do Colônia que, afirmou em entrevista no dia 10/04/2012 ao BATV, emissora filiada à mesma rede globo de televisão, que foram pistoleiros os autores do crime, porém, para espanto de todos, no dia, (13/04/2012), em entrevista ao jornal nacional, o mesmo delegado, de forma patética, afirmou que os índios possuem armas privativas do Exercito, como se fossem os indígenas quem cometeram o assassinato, mesmo sabendo que há relatório da Policia Federal afirmando o contrário, após cumprimento de mandado de busca e apreensão de armas na área indígena .

Questionamos: Por qual motivo, o delegado da policia civil de Itaju do Colônia, afirmara ao repórter da rede globo de televisão, que os indígenas possuem fuzil, já tendo conhecimento de que, segundo a pericia, a morte da vítima Ana Maria, ocorreu em consequência de tiro de fuzil? O que levou o delegado mudar suas palavras em entrevista à rede globo de televisão? São detalhes que tem que ser analisado, pois o que percebemos é que há uma grande manobra diante disso tudo. O repórter José Raimundo, maldosamente, pergunta a um indígena, “o que estava sendo produzindo a terra?”, mas o que plantar nessa terra? Após a destruição da natureza provocada pelos fazendeiros invasores, só restou caatinga, os latifundiários invasores arrancaram a “roupa” dessa terra, sagrada para os índios, secaram os rios, destruíram a fauna e a flora, deram ao nosso município morte precoce. Os pastos são verdadeiros capoeirões abandonados, casas destruídas, cercas acabadas.

É lamentável que, em pleno século XXI, redes de televisão ainda estão promovendo atos de desrespeito, discriminação e autoritarismo, como se ainda não estivéssemos saído do triste período de ditadura militar, que, inclusive, contou com a colaboração da mesma rede de televisão. A Comunidade Indígena Pataxó Hã Hã Hãe repugna, completamente, todos os atos da reportagem exibida pela rede globo de televisão, no dia 13/04/2012, no jornal nacional. Onde maldosamente tenta passar para o povo brasileiro, a imagem negativa dos povos indígenas, porém temos consciência de que ela não logrará êxito, porque os cidadãos brasileiros já estão vacinados contra as armações desta rede de televisão que alimenta o preconceito contra os povos tradicionais.

Fonte: Indios on line http://www.indiosonline.net/13127/