Fiocruz organiza seminário sobre a Conferência Nacional de Comunicação

A Conferência Nacional de Comunicação: o que a saúde tem a ver com isso? será tema de seminário organizado pelo Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde (Icict/Fiocruz), no dia 31 de agosto (segunda), às 9h, no Museu da Vida, Fiocruz.

O fortalecimento das mídias públicas, mídia e publicidade infantil, papel das conferências na democratização do estado e política de concessão e controle social são alguns dos eixos temáticos do evento. O professor da Escola de Comunicação da UFRJ, Marcos Dantas, abrirá o ciclo de palestras. Dantas falará sobre a conjuntura e os desafios da 1ª Conferência Nacional de Comunicação, que será realizada de 1 a 3 de dezembro em Brasília, com o tema Comunicação: meios para a construção de direitos e de cidadania na era digital.

Um dos objetivos do seminário é tratar da importância do direito à comunicação na sociedade contemporânea e suas conexões com a cidadania. Os profissionais da área da saúde debaterão as políticas públicas da área de comunicação no evento, que dará certificado para os participantes.

Serviço:

As inscrições para o seminário são feitas gratuitamente através de um blog (clique aqui), lançado pelo Icict para debater as demandas do campo da saúde na Conferência. O evento também será exibido em tempo real pela Rede Fiocruz.

Programação:

Manhã – 9h às 12h

Conferência Nacional de Comunicação: o que a saúde tem a ver com isso?

• Marcos Dantas – Professor da Escola de Comunicação da UFRJ e membro da Comissão-Rio Pró-Conferência e da executiva do Fórum Mídia Livre.
Tema: Conferência Nacional de Comunicação: conjuntura e desafios

• Orlando Guilhon – Superintendente de Rádio da Empresa Brasileira de Comunicação (EBC) e Presidente da Associação das Rádios Públicas do Brasil (ARPUB).
Tema: A conferência e o fortalecimento das mídias públicas

• Flávio Magajewski – Diretor de Educação Permanente em Saúde da Secretaria Estadual de Saúde de Santa Catarina, professor da Universidade do Sul de Santa Catarina (Unisul) e membro do GT de Comunicação da Abrasco.
Tema: O papel das conferências na democratização do Estado – a experiência das conferências de saúde

Tarde – 14h às 17h

Mídia, cidadania e controle social

• Isabella Vieira Henriques – Advogada, coordenadora geral do Projeto Criança e Consumo do Instituto Alana.
Tema: Mídia e publicidade infantil

• Renata Monteiro – Pesquisadora do Observatório de Políticas de Segurança Alimentar e Nutrição da Universidade de Brasília
Tema: Publicidade de alimentos “não saudáveis” – a proposta de resolução da Anvisa

• Edgard Rebouças – Professor da Universidade Federal do Espírito Santo, coordenador do Observatório da Mídia Regional e diretor de Relações Internacionais da Intercom
Tema: Controle social da mídia e direitos humanos – a experiência do Observatório da Mídia Regional

• Bia Barbosa – Jornalista, especialista em Direitos Humanos, membro do Coletivo Intervozes e empreendedora social da Ashoka
Tema: Política de concessão e controle social – a experiência dos “Direitos de Resposta”