Brasil e Suriname assinam acordo para regularizar situação de imigrantes

Nelson Motta, Agência Brasil, enviado especial a Paramaribo

Brasil e Suriname assinam nesta terça-feira (21) acordo para regularizar a situação de imigrantes e a extradição de criminosos nos dois países. O ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim, que está em visita oficial a Paramaribo, capital do Suriname, representará o governo brasileiro na assinatura do acordo. Pela manhã, Amorim teve um encontro com a chanceler do Suriname, Maria Levens.

Com o objetivo de promover a integração econômica e social entre os dois paises, o acordo que trata do controle do fluxo de imigrantes vai permitir a legalização dos quase 15 mil brasileiros que vivem no Suriname. A segunda parte do acordo estabelece a cooperação entre os dois países para permitir a extradição de prisioneiros ou fugitivos da justiça.

Celso Amorim vai se encontrar ainda hoje com o presidente da Assembléia Nacional, Ram Sardjoe, e também com o presidente da República do Suriname, Ronald Venetiaan. O retorno do ministro para o Brasil está previsto para as 17 horas.