Bienal do livro apresenta a História Social do Campesinato Brasileiro

Será lançada nesta sexta-feira (15/08), às 19h, na Bienal do Livro em São Paulo, os dois primeiros volumes da coleção ‘História Social do Campesinato Brasileiro’, uma iniciativa da Via Campesina, coordenada pelo Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA). Trata-se da obra mais completa sobre o campo brasileiro. Ministro Guilherme Cassel estará presente no lançamento da obra.

Agência Consciência.Net; clique aqui

Será lançada nesta sexta-feira (15/08), às 19h, na Bienal do Livro em São Paulo, os dois primeiros volumes da coleção História Social do Campesinato Brasileiro, uma iniciativa da Via Campesina, coordenada pelo Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA). Trata-se da obra mais completa sobre o campo brasileiro.

As obras são publicadas pela editora da Universidade Estadual Paulista (UNESP), com apoio do Núcleo de Estudos Agrários e Desenvolvimento Rural (NEAD). Participam do lançamento camponeses de vários estados do país, lideranças dos movimentos sociais, pesquisadores e o ministro do Desenvolvimento Agrário, Guilherme Cassel, entre outros.

O lançamento será marcado por três atividades:

  • Debate: Campos em Conflito: os saberes da academia e o universo rural brasileiro – Composição da mesa: Ministro Guilherme Cassel, Horácio Martins, Delma Pessanha Neves (antropóloga- UFF), Leonilde Sérvulo de Medeiros (socióloga – UFRRJ), Márcia Motta (historiadora – UFF)
  • Seminário Nacional: com presença de centenas de lideranças camponesas de todo o país.
  • Seminário Nacional Sobre as Mulheres no Campesinato: com a presença de lideranças camponesas e feministas.

Sobre a obra

Ao longo de quatro anos, pesquisadores iniciaram a produção da obra intitulada História Social do Campesinato Brasileiro. Coordenada, inicialmente, pelo professor e engenheiro agrônomo Horácio Martins, e mais tarde por Márcia Motta e Paulo Zarth, o projeto agregou estudiosos de distintos conhecimentos para deslindar os principais eixos explicativos da História Social do Campesinato.

Ao assumir a tarefa de refletir sobre o tema, os pesquisadores produziram dois livros que abordam aspectos fundamentais para a compreensão da formação do campesinato brasileiro, sua historicidade, bem como sua recriação no tema, seus dilemas e desafios.

O resultado deste esforço será apresentado na Bienal do Livro, em São Paulo. Os livros a serem lançados no evento são:

  • Formas de resistência camponesa: visibilidade e diversidade de conflitos ao longo da história — subtítulo: Concepções de justiça e resistências nos brasis — v. 1, organizado por Márcia Motta & Paulo Zart.
  • Processos de constituição e reprodução do campesinato no Brasil — subtítulo: Formas tuteladas de condição camponesa — v. 1, organizado por Delma Pessanha & Maria Aparecida de Moraes Silva

Serviço:
Local: Parque de Exposições Anhembi (Av. Olavo Fontoura, 1209 – Santana – São Paulo/SP)
Data: 15/08/2008
Horário: 19h

_______________________________________
www.consciencia.net

Revista diária fundada em 13 de maio de 2000.

Seções: Mulheres. Tags: .