UNICEF propõe agenda infantil no Maranhão

Nesta quarta-feira (27/2), o UNICEF apresenta em São Luís a proposta da ‘Agenda Criança Amazônia’, para a qual estão sendo convidados a participar 45 municípios maranhenses

Agência Consciência.Net; clique aqui

Fazer com que os municípios da Amazônia se desenvolvam junto com suas crianças e seus adolescentes. Essa é a proposta da Agenda Criança Amazônia, que será apresentada pelo UNICEF nesta quarta-feira, 27 de fevereiro, às 9h30, no Sesc Olho D’Água em São Luís. “Queremos incentivar e fortalecer os municípios no seu papel de garantir os direitos de cada criança e adolescente”, aponta Eliana Almeida, coordenadora do escritório do UNICEF em São Luís. “Ao cuidar de suas crianças e investir na infância, o município certamente se desenvolve”, completa.

A programação do evento começa com a palestra do sociólogo Marcelo Carneiro, pesquisador e professora da UFMA, que mostrará um panorama dos desafios e potenciais dessa região do estado. Em seguida, Eliana Almeida, do UNICEF, apresentará os objetivos e a metodologia da Agenda Criança Amazônia, bem como uma síntese da situação da infância e da adolescência no Maranhão. O evento também marcará o início do processo de adesão dos municípios.

Foram convidados a participar da primeira fase do projeto 45 municípios maranhenses: Açailândia; Alcântara; Alto Alegre do Pindaré; Amarante do Maranhão; Arame; Axixá; Bacabal; Bacabeira; Balsas; Barra do Corda; Bom Jesus das Selvas; Buriticupu; Cândido Mendes; Coroatá; Cururupu; Grajaú; Guimarães; Icatu; Imperatriz; Itapecuru Mirim; Itinga do Maranhão; Lago da Pedra; Lago do Junco; Lima Campos; Matões do Norte; Maracaçumé; Matinha; Miranda do Norte; Mirinzal; Montes Altos; Olinda Nova do Maranhão; Palmeirândia; Pedreiras; Pedro do Rosário; Penalva; Presidente Juscelino; Rosário; Santa Inês; Santa Luzia; Santa Rita; São Bento; São João do Carú; Tuntum; Viana; e Zé Doca.

Para o evento de lançamento, também estão sendo esperados representantes do governo estadual, do Poder Legislativo, Poder Judiciário, Ministério Público, organizações não-governamentais e lideranças comunitárias. “Apesar de a vida das crianças e dos adolescentes concretizar-se nos municípios, ela não depende apenas do gestor local. É necessário um compromisso integrado de todos”, explica Eliana Almeida.

No período da tarde, a programação do evento continua para os prefeitos e articuladores dos municípios. A equipe do UNICEF, ao lado do Centro de Formação Akoni (parceiro do UNICEF na implementação da Agenda Criança Amazônia no Maranhão), fará um detalhamento dos indicadores que serão acompanhados no decorrer do ano, bem como das atividades de sensibilização e capacitação para a garantia dos direitos da infância e da adolescência.

O ano de 2008 será o ano de construção da metodologia da Agenda Criança Amazônia, envolvendo apenas alguns municípios dos Estados do Amazonas, Pará e Maranhão. A partir de 2009, com a primeira fase concluída e avaliada, a proposta será estendida para todos os nove Estados da Amazônia Legal Brasileira, alcançando cerca de 750 municípios e mais de 10,5 milhões de crianças e adolescentes.

Lançamento estadual da Agenda Criança Amazônia
Data: 27/2/2008 (qua), 9h30-12h30
Local: Sesc Olho D’Água, Av. São Carlos, s/n, Olho D’Água, São Luís

Mais informações
Immaculada Prieto – [email protected] – (98) 8111-7492 ou 4009-5700.

_______________________________________
Lembre-se que você tem quatro opções de entrega: (I) Um email de cada vez; (II) Resumo diário; (III) Email de compilação; (IV) Sem emails (acesso apenas online). Para cancelar, responda solicitando. [www.consciencia.net]