Por unanimidade, Comissão Especial vota pela abertura do processo de impeachment de Arruda

Cecília de Castro e Luísa Medeiros, do Correio Braziliense

Por unanimidade, a Comissão Especial da Câmara Legislativa, votou pela abertura do processo de impeachment do governador afastado José Roberto Arruda (sem partido). Os distritais aprovaram o parecer do relator, o deputado Chico Leite (PT). O documento, de 22 páginas, foi lido na manhã desta sexta-feira (26/3).

O próximo passo deve ocorrer na próxima terça-feira (2/3), no Plenário da Câmara Legislativa, para onde o relatório será enviado para a votação de todos os deputados. Caso seja aprovado pelos parlamentares, Arruda terá 20 dias para se defender a partir de quarta-feira.

Formam a Comissão Especial de Impeachment os deputados Chico Leite (PT), relator, Cristiano Araújo (PTB), José Antônio Reguffe (PDT), Batista das Cooperativas (PRP) e Paulo Roriz (DEM).

Paulo Octávio
Durante a reunião, Batista das Cooperativas (PRP), relator dos processos de impedimento do ex-vice de Arruda, Paulo Octávio (ex-DEM), fez a leitura formal para o pedido de abertura do impeachment. No entanto, como ele já havia renunciado ao cargo nesta semana, o pedido foi arquivado.

Share

Comentários

comentários