Plinio, Bicudo e deputados deixam PT

Insatisfeitos com o processo de eleições internas, o petista histórico Plinio de Arruda Sampaio e dois deputados do partido, Ivan Valente (SP) e Orlando Fantazzini (SP), anunciaram nesta segunda 26 a saída do PT e o ingresso no PSOL. O jurista Helio Bicudo, que estava no partido desde sua fundação, também deixará o partido e não tem prazo para se desfiliar porque não tem cargo eletivo. “A decisão está tomada, mas ainda vou ver o que acontece no partido nos próximos dias”, disse à Reuters. Fantazzini, de acordo com sua assessoria, vai se filiar ao PSOL para ficar mais próximo do trabalhador e de políticas sociais. Outro que já se decidiu pela desfiliação é o deputado Chico Alencar (RJ). Segundo sua assessoria, ele deve anunciar sua decisão até terça-feira. Ele também irá para o PSOL, partido da senadora Heloisa Helena (AL), expulsa do PT. Plínio e Valente afirmaram em nota que “se optássemos por nele permanecer, nosso apoio inequívoco no segundo turno seria para o companheiro Raul Pont”. Nota de hoje na Reuters.

Share

Comentários

comentários

Revista diária fundada em 13 de maio de 2000.

Seções: Opinião.