Operação de “vasculhamento” na Vila Cruzeiro foi aproveitada por policiais para realizar invasões e saques a domicílios

Da Rede de Comunidades e Movimentos contra a Violência

Integrante da Rede Contra a Violência informou no último sábado (27) que, em visita à Vila Cruzeiro, colheu muitos depoimentos revoltados de moradores e moradoras, segundo os quais, após a fuga dos traficantes, muitos policiais aproveitaram para realizar invasões indiscriminadas de domicílios e saquear objetos de valor.

A pessoa, cuja identidade iremos preservar por questões de segurança, fotografou inclusive várias casas saqueadas. O clima de “guerra” na cidade e a presença maciça dos policiais na comunidade intimida as pessoas em formalizarem a denúncia, e seria preciso que a imprensa buscasse acompanhar de perto esse aspecto das “operações” policiais, bem como órgãos institucionais, como o Ministério Público (MP/RJ), a Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa (ALERJ), a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Defensoria Pública, etc. (Mais informações pelo email gb@ufrj.br)

Comentários

comentários