Nada como ser popular

Por Ivson Alves

Amiga que assistiu à decisão do torneio de basquete do Pan relata que, além da torcida pela seleção brasileira, um outro ponto uniu as milhares de pessoas que foram à Arena Olímpica de Jacarepaguá: os xingamentos ao Galvão Bueno. Em todos os pedidos de tempo e nos intervalos dos quartos e da primeira para a segunda etapa, o público se dedicava a entoar dois corinhos muito comuns no Maracanã, devidamente adaptados ao locutor global: “Ei, Galvão, vai tomar no c…!” e “Galvão, v….” O “teste de popularidade” de Galvão obteve tanto sucesso que, segundo o Blue Bus, ele teve que sair escoltado por soldados do Força Nacional.

Aliás, falando nisso, alguém viu nota sobre este acontecimento em outro lugar a não no bom e velho BB?

Share

Comentários

comentários

Revista diária fundada em 13 de maio de 2000.

Seções: Opinião.