Memória

Pagamos o preço pelo esquecimento da ditadura, sem dúvida. Houve ditadura, sim.

Aqui tornou-se uma espécie de piada (de péssimo mal gosto), celebrada por pessoas sem qualquer sensibilidade nem respeito pela vida humana, que consiste em dizer que no Brasil houve uma “ditabranda.”

Certo jornalismo da pior espécie fez coro a esta aberração. Os crimes contra a humanidade são imprescritíveis. A cumplicidade com os crimes, o seu acobertamento, é crime também.

Um povo que cala diante do extermínio, do assassinato, da tortura, do sequestro e do desaparecimento de pessoas, em qualquer tempo que seja, está como que pedindo a sua própria extinção.

  • Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *