Francês que invadiu Twitter de Obama e Britney mostra como é fácil descobrir senhas

Do UOL Tecnologia

François Cousteix, 24, que invadiu diversas contas do Twitter. Foto: UOL Tecnologia.

François Cousteix, 24, é um dos mais novos funcionários de uma empresa belga especializada na capitalização de audiências em redes sociais. Mas há quatro meses, sua história era bem diferente: desempregado e conhecido na web como “Hacker Croll”, Cousteix foi detido na França após invadir uma dezena de contas do Twitter, entre elas as do presidente dos EUA, Barack Obama, da cantora Britney Spears e de Evan Williams, co-fundador e CEO do próprio Twitter.

Julgado e condenado a uma pena branda – cinco meses de liberdade vigiada – Cousteix revelou por e-mail ao UOL Tecnologia os bastidores do ataque às contas. A técnica usada por Cousteix mostra como é fácil descobrir senhas na internet, desde se tenha tempo para a cansativa tarefa de adivinhá-las por tentativa e erro (e, depois de ler como ele as descobriu, é bem provável que você mude seus próprios hábitos na criação de senhas na web).

Leia na íntegra aqui.