Comentário: FHC vai cortar os pulsos

Saiu no Globo online: “O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse que o Brasil ‘é uma potência econômica e grande jogador no cenário internacional’ e que ele e o presidente Luiz Inácio Lula da Silva devem ser ‘parceiros’. As declarações foram feitas em entrevista à rede de TV CNN em Espanhol transmitida nesta quinta-feira.”

Alfinetada do jornalista Paulo Henrique Amorim:

Da outra vez, quando Obama disse que Lula é o cara, o Farol de Alexandria desdenhou: “se é que ele (Obama) disse isso mesmo”…

E agora? O que sente Fernando Henrique Cardoso? Ódio? Inveja? Dor de barriga? Ele achava que só ele daria ao Brasil “dimensão internacional”. Ele pensava que o Brasil só viria a ser potência por causa dele. Porque ele fala francês. Logo ele, que, segundo Ciro Gomes, menospreza o Brasil e o povo brasileiro. Como diz o motorista de táxi, baiano, que me trouxe do aeroporto, sobre a frase do Obama: “e, agora, o que o nosso ‘poligrota’ vai dizer?”